Páginas

8 de jul de 2010

Desistência

Ela existe, apenas por um motivo, uma condição que a mantém viva. Ela sabe onde quer chegar, traçou sua meta e vai fazer de tudo para cumpri-la, ela pode e ela vai conseguir. Estava decidida, traçou seu rumo, até que um dia, no meio de seu caminho, aparece sua primeira grande desilusão, ela percebe que nunca foi forte, só se mantinha nessa armadura intocável para servir de exemplo aos fracos, mais não considerava que era mais fraca e frágil que eles. Ela não superou a barreira que a impedia, e apenas vagou sem metas, rumos ou desejos, no meio do seu caminho, até o seu fim chegar.
Se algum dia precisar de ajuda para cumprir alguma meta,
alguém certamente vai estender a mão e ajudar a quebrar 
esses impedimentos que o atrapalham a seguir seu destino.
Não vai ser por pena, nem dó, apenas pelo fato de ajudar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário