Páginas

22 de mai de 2013

O inferno dentro de mim


Eu fiz cartas jurando que nunca voltaria a sentir isto de novo. Mas assim como os pássaros que caem se recuperam e voltam a voar, talvez eu tenha cicatrizado... Eu não sei escrever, o pouco que escrevo é o que sinto, e o que sinto é muito para ser escrito, pois não há palavras que simbolizem. Eu sou aquele bêbado pedindo dinheiro, mas que na verdade pede ajuda. Sou aquele velho casaco que no inverno passado era indispensável, mas agora não serve para nada, os buraquinhos e o cheiro de naftalina te incomodam e ele não parece mais tão quentinho como deveria ser. Talvez esta seja a sina da humanidade, se apagar para dar lugar a uma estrela mais brilhante.

 

Texto inspirado em Sapato Velho – Roupa Nova.

 

 

29 comentários:

  1. Se estivesse á procura de uma definição para a minha pessoa, penso que seria esta.
    E muito obrigado :)

    ResponderExcluir
  2. Que (tudo) seja infinito enquanto dure!
    beijo

    ResponderExcluir
  3. Lindo, e adoro essa musica.
    Talvez essa seja realmente a sina da humanida.

    Beijos e ótima semana.

    ResponderExcluir
  4. Está tão bonito este texto :)
    Segui*

    ResponderExcluir
  5. adorei esse texto, você escreve muito bem! :)

    ResponderExcluir
  6. Tentei achar uma parte desse texto que eu gostasse mais pra frisar e discorrer sobre, mas ele todo dá vontade de abraçar, friso todas as partes dele porque ele todo me parece tão verdadeiro e bonito. Gostei muito, de verdade.

    ResponderExcluir
  7. Não sei se isso é bom ou ruim, mas realmente algumas coisas e às vezes até pessoas passam e algo novo surge... Muito bom o texto e essa música é ótima.
    Incrivelmente cômico o nome do blog, adorei. rsrs

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Eu to tentando me iluminar para dar lugar para uma Natália mais lucrativa. Beijos

    Mundo de Nati
    @meuamorpravoce

    ResponderExcluir
  9. r: muito obrigada, também gosto imenso do teu!

    ResponderExcluir
  10. r: oh, que querida! obrigada :)

    ResponderExcluir
  11. Sabe, quando Deus fecha uma porta, é porque outra precisa se abrir.

    ResponderExcluir
  12. Adorei esse nome , criatividade demais . parabens retibuindo a visitinha

    ResponderExcluir
  13. Olá Camila

    O Céu é grande, enorme, e há sempre espaço para todas as estrelinhas, mais brilhantes e menos brilhantes, mas até isso varia do lugar donde são vists e de quem as vê.

    Um raio de luz para ti
    Helena

    ResponderExcluir
  14. Camila,
    Amei o texto e essa música do Roupa Nova é o máximo.
    Big Beijos
    Lulu
    http://luluonthesky.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá Camila, passei p/agradecer a visitinha e achei teu blog muito bom.

    Parabéns...

    ResponderExcluir
  16. Como diz Marisa Monte:

    "Faça a sua dor dançar"

    ;)

    ResponderExcluir
  17. Camila querida,

    vim agradecer o carinho e conhecer seu cantinho! Vc escreve com o coração e gosto muito disso! Estarei te seguindo!

    Bjinhos

    ResponderExcluir

  18. Olá Camila,

    Obrigada pela visita.

    Você escreve muito bem. Gostei muito do texto.
    Cada estrela tem seu brilho próprio e nenhuma precisa perder sua luz para fortalecer a de ninguém.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  19. r: e depois são esses comentários que me deixam com um grande sorriso na cara!

    ResponderExcluir
  20. CAMILA,

    sou seu mais novo seguidor, por simples atração fatal à sua competência.

    Esse dia 22/05/2013, deverá ser lembrado por você como se fosse de um esplendoroso céu azul de brigadeiro que, acolheu este seu s-e-n-s-a-c-i-o-n-a-l,"Inferno dentro de mim".

    Obrigado, por sua presença no meu blogue e eu costumo não errar, neste tipo de opinião: Edite um livro!

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
  21. Camila, vim para agradecer sua carinhosa visita lá no Samambaia. E não é que voce me pegou na moita?
    Li alguns textos e gostei muito, voce tem uma veia poética bem gostosa, intensa.
    Volte qundo quiser, estou sempre por lá...
    Eu voltarei aqui. Beijo.

    ResponderExcluir
  22. Obrigada pela visita. Aqui encontrei um lindo espaço. Bjs.

    ResponderExcluir
  23. Obrigado pela visita, Camila Também adorei seu blog e sua postagem. bjs

    ResponderExcluir
  24. Lindo Texto!!!
    Obrigada pela visita e
    parabens pelo blog!
    Bjs

    ResponderExcluir
  25. Já me senti assim várias vezes.

    ResponderExcluir
  26. Como disse a Cássia aqui em cima, também me sinto assim inúmeras vezes. Quem nunca, né?

    Eu tinha que visitar a pessoa que deixou uma frase tão singela e tão linda ao mesmo tempo como comentário no meu blog. Muito obrigado, adorei!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  27. Camila, foi um imenso prazer conhecer seu blog.
    Meu cantinho é de moda, mas eu me encanto com quem escreve. Também escrevo, pra desanuviar o coração (no tumblr). Gostei muito da mistura de sentimentos sofridos e lindos que me impactaram ao ler seu textinho.

    Um beijo!

    ResponderExcluir