Páginas

4 de mai de 2011

Mais uma vez...

Eu continuo fugindo... Fugindo dos medos que me perseguem pela noite, dos pesadelos que corrompem a alma e sufocam o coração, das mentiras que estão ao meu redor; O tempo goteja lentamente, tornando os dias angustiastes cada vez mais e mais longos. O silêncio preenche o vazio e a cada dia os motivos para sorrir tornam escassos; Borbulham pela minha face em formas de dolorosas lágrimas todas as marcas que foram escondidas ao passar tempo. Tudo o que eu ainda carrego comigo, são as lembranças de uma vida que eu sonhava que vivia.

5 comentários:

  1. Acho uma boa buscar novos geradores de alegria (:

    ResponderExcluir
  2. Como é difícil percebemos que estávamos erradas o tempo todo...

    ResponderExcluir
  3. E eu tenho tentado enfrentar tudo isso e um pouco mais.

    ResponderExcluir
  4. Oi..
    Eu sou a Rayssa do VardaValar.
    Não tenho postado pois estou me dedicando a um blog de fotografia.
    Portanto vou desativar o Varda,mas vc pode me encontrar no http://www.anarayfotografia.blogspot.com/ .
    Te vejo por lá.
    ;*

    ResponderExcluir