Páginas

13 de jun de 2010

Georgia

Ela acendeu um cigarro porque não queria pensar em nada, parou de pensar em drama e tentou ficar lúcida uma vez na vida, parou de tomar remédios para dormir, tentou fazer o que a sociedade queria que ela fizesse, cortou seus longos cabelos lisos e armados, os cortou curto, torto e acabou com tudo que estava quebrado para avisar que estava morrendo, morrendo por dentro, fechou seus olhos e parou para pensar o ultimo dia que foi realmente feliz, não conseguiu se lembrar, o som das gotas caindo ao chão a fez pensar que estava destruída e do chão ela não conseguiria se levantar, estava cansada de todos reclamando por nada, ela não queria se olhar no espelho e ver como estava gorda e não adiantava todos negarem, os seus olhos não mentiam, ela estava cheia de todos, ela não queria escutar nenhuma voz, então ela se trancou em quarto escuro, onde ela podia conviver com a solidão a sua única amiga.

2 comentários:

  1. É triste o texto, mas não consegui deixar de rir. Georgie me lembra a menina do "puta falta de sacanagem!" haha

    ResponderExcluir