Páginas

17 de mai de 2010

a velha carta.

Querida dor, você passou por mim quase me destruiu, me deixou em pedaços e como se não fosse o suficiente insiste em me angustiar, o pouco de bondade que existia dentro mim, você transformou em ódio e desprezo, queria poder voltar no tempo, não para fazer as coisas diferentes, apenas porque queria relembrar daquela garota das meias coloridas, alegre e doce, que hoje está despedaçada, pelo menos agora, queria poder falar do que me sufoca, confiar em alguém o bastante para desabafar, não consigo, por mais que essa angustia insista em governar, já me acostumei com esse sentimento cruel, por mais que eu tenha sofrido, aprendi que minhas lágrimas podem virar sangue e ninguém vai se importar comigo realmente, na verdade isso já não tem tanta importância para mim.

2 comentários:

  1. usahuash
    eu também já acreditei que poderia voar.
    mas enfim, não acho que eu possa simlesmente dizer qual deve ser a interpretação correta de qualquer texto que seja. É que aquele texto, especificamente acho muito esquisito. mas tudo bem, legal que vc tenha gostado
    : )

    ResponderExcluir
  2. Q tristeza... e acho que exsite alguém q se importa, sempre tem alguém, mesmo q não saibamos...

    bjs...

    ResponderExcluir